quarta-feira, 23 de março de 2016

É importante falar sobre a administração do dinheiro com seus filhos


A infância é um momento da vida que serve como uma preparação para tudo que vem pela frente. Nada mais justo do que essa preparação seja também financeira. Saber lidar com o dinheiro é importante para todo mundo. E é na infância que podemos começar a ajudar no equilíbrio e responsabilidade para isso na fase adulta.
Muitas crianças recebem suas mesadas ou recompensas por boas ações em dinheiro. Porém, a maioria delas não consegue assimilar essa administração do dinheiro. É responsabilidade dos pais conscientizar as crianças como é importante poupar, guardar, planejar o que fazer com o valor recebido.

Princípios para educar financeiramente uma criança

Tudo começa na infância. Saber o que fazer com o futuro dinheiro que será ganho também é uma coisa que deve ser aprendido nessa fase. Mas para ensinar alguém, você deve saber o máximo sobre o tema.
Dizer o que fazer com o dinheiro é necessário, mas é mais importante dar exemplos. Se você estiver fazendo o contrário do que ensina, com certeza, as crianças irão aprender o que pratica. As crianças devem ser guiadas com bons exemplos.
Permitir que eles coloquem em prática o que aprenderam é essencial. Eles têm a infância e adolescência toda para aprender a lidar com o dinheiro. Os deixe experimentar também.

Como ensinar as crianças sobre dinheiro

Nunca é tarde para aprender sobre como administrar o dinheiro. Cada situação vivida mostrará algo novo. Mas seguem dicas de como mostrar às crianças com será o mundo financeiro no futuro:

Controlar o dinheiro

Deixá-las ter controle do dinheiro que ganham, quando criança, mostrará a elas que elas são responsáveis por ele. Dessa forma, tirará a ideia de que ele sempre será provido por alguém, assim, terão que tomar conta dos seus gastos.

Ensinar a poupar

As crianças precisam entender que podem fazer muito mais com o dinheiro. Ensinar que, quando poupado o dinheiro, pode fazer coisas muito maiores com ele é importante para criar consciência financeira.

Reduzir gastos

Mostrar para as crianças que reduzindo gastos e eliminando os desperdícios  podem alcançar objetivos mais rapidamente, e assim as fará ter mais planejamento com aquilo que desejam fazer. Elas entenderão que gastar menos as trará bens mais significativos.

Multiplicar dinheiro

Mostrar como investir também é função dos pais. As crianças devem definir objetivos ao longo prazo, assim, o investimento será aplicado futuramente para eles mesmos.

Elaborar orçamento

Ensinar as crianças como planejar os seus próprios gastos. É como definir pequenas metas que estarão alcançando com o dinheiro deles no decorrer dos meses do ano.

Pagar contas

Contas pequenas de consumo próprio podem ser pagos pelas próprias crianças. O valor pode ser acrescido ao montante da mesada, mas isso é importante para que ele crie o hábito de pagá-las em dia. Assim, eles também conseguem entender os grandes perigos das dívidas.

Ganhar mais dinheiro

Ensinar as crianças a ter uma renda extra. Pode ser com tarefas dentro de casa ou para a vizinhança. Assim, eles se tornarão mais adaptáveis e não passarão apertos no futuro.

Efeitos do consumismo

É importante mostrar como o consumismo pode fazer mal. Expor os efeitos da publicidade na compra de produtos na vida da criança. Assim, no futuro, elas assimilarão melhor essa febre consumista.
Educação Financeira é o caminho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário