sexta-feira, 3 de abril de 2015

Seja conduzido por seus sonhos

Muitos de vocês devem ter ouvido falar em “sinais” da vida ou do destino. Aquilo a que muitos consideram coincidência, ou aviso da vida, eu chamo simplesmente de OPORTUNIDADES. Existem pessoas que não acreditam: esperam que o bilhete premiado da loteria esteja esperando a dois passos na calçada por onde ela está caminhando. Esperam algo grandioso e deixam passar excelentes chances de sucesso!

                Acontece que cada um de nós tem a sua própria versão sobre o que seria uma oportunidade. Quando aparece alguma chance que não se enquadre exatamente naquela imagem, achamos que não vale a pena, ou sequer a percebemos!

                E quanto aos mitos que se propaga sobre o tema? Nas novelas, oportunidade sempre aparece, quando o galã rico pede em casamento a mão da mocinha pobre. Nos filmes se dá o mesmo. Nos comerciais e anúncios, oportunidade é propagada, como a bela promoção de uma loja de artigos. São tantos os mitos, que não à toa, as pessoas mantêm as suas crenças errôneas.
                E quanto às expectativas pessoais de cada indivíduo? Espera-se que elas surjam exatamente como tinham sido imaginadas.
                Acontece que de vez em quanto – ou quase sempre – as oportunidades se apresentam vestindo as “roupas” que elas queriam “vestir” – e não como os indivíduos gostariam que elas aparecessem vestidas.
Transforme as suas dificuldades em Oportunidades
                Oportunidades não surgem batendo à porta como naqueles filmes estrangeiros. No entanto, quando nos mantemos abertos e em ação, as oportunidades sempre aparecem.  Nem sempre elas nos vêm como imagináramos, mas nos servem talvez até melhor. E o melhor: somos nós quem as criamos.
                No meu trabalho como Consultor, Coach, Palestrante, é frequente ouvir pessoas dizerem: “Eu nunca tive oportunidades na vida! Estou nessa situação financeira por falta de oportunidades! Oportunidades nunca aparecem para mim!”. Ora, muitos de vocês, devem ter lido a notícia sobre um mendigo que conseguiu passar em determinado concurso do Banco do Brasil. Todos os dias ele preferia acessar a internet a comer um segundo pão com os parcos R$ 1,00 ou R$ 2,00 reais que ganhava. O mendigo aceitou o desafio que o impulso à mudança sempre nos propõe, colocou-se em movimento, e criou a sua oportunidade!
                Anos de profissão me permitem afirmar com absoluta certeza que todos nós somos agraciados por oportunidades e a capacidade de criá-las. O que falta a alguns é atitude e não oportunidades. É mais fácil reclamar que a vida não lhe dá oportunidade do que mudar de atitude e criá-la. O que faz a diferença é aceitar mudar e aprender sempre!

                É preciso se colocar em movimento, manter-se em contato com o mundo ao redor, e permanecer de olhos abertos e “antenas” ligadas! Muito do sucesso daquelas pessoas que se deram bem na vida, pode ser atribuído ao dom destes indivíduos, de manterem-se atentos e criarem as suas próprias oportunidades. Por que não se tornar uma dessas pessoas? Oportunidade pode ser uma dificuldade que você reclama dela... Transforme a dificuldade em um desafio e ela vira uma oportunidade para realizar um Sonho!
Escrito por: Paulo Costa
Deixe aqui abaixo o seu comentário:

Nenhum comentário:

Postar um comentário